18
jun
14

Chile atropela a Espanha e atuais campeões são eliminados

Vargas celebra um dos gols que eliminou a Espanha (foto:globoesporte)

Vargas celebra um dos gols que eliminou a Espanha (foto:globoesporte)

As copas do mundo do século XXI está apresentando uma característica crucial: todos campeões do mundo jogam mal na copa seguinte. França foi campeã em 1998 e eliminada na primeira fase em 2002; Brasil venceu em 2002 e foi mal e caiu nas quartas em 2006; Itália campeã em 2006 e cai na fase de grupos em 2010. Agora foi a vez da Espanha. O Chile venceu por 2 a 0 no Maracanã com gols de Vargas e Aránguiz. Espanha está matematicamente eliminada e só cumpri tabela na próxima rodada.

Antes do jogo começar, quase cem torcedores do Chile invadiram a sala de imprensa do Maracanã. Detalhe maior: todos estavam sem ingresso. Quebraram paredes e atrapalharam o trabalho de vários jornalistas. Oitenta e cinco pessoas foram para a delegacia de policia.

Agora falando de futebol. Um time que sofreu uma sonora goleada na rodada passada, imagina-se que irá entrar espumando de raiva para vingar a derrota e melhorar sua condição no grupo. Mas foi totalmente ao contrário. O Chile começou com tudo e apertando a saída de bola espanhola. Logo no primeiro minuto, Vargas recebeu na área e Xabi Alonso tirou a tempo. Escanteio aos dois minutos e cabeceio que tirou tinta da trave de Jara. Depois desses sustos, a Espanha tentou controlar o jogo com posse de bola. Mas as atuações individuais estavam péssimas. Iniesta não conseguia controlar a bola, Diego Costa jogando em outro planeta, David Silva pouco participativo. O Chile só esperou para atacar na hora certa. A hora foi aos 19 minutos. Belo contra ataque puxado por Sanchez, que tocou para Vargas limpar Casillas e empurrar para rede, 1 a 0. A Espanha não conseguia criar chances claras de gol. Diego Costa recebia, mas não chutava ao gol; era um time muito parecido com o da Euro 2012, que só queria marcar gols de dentro da pequena área. Com essa instabilidade espanhola, o Chile partiu pra cima. Sanchez recebeu boa bola na entrada da área e sofreu falta. Ele mesmo cobrou e Casillas rebateu, a bola sobrou para Aránguiz chutar de trivela a ampliar, 2 a 0.

No segundo tempo, o técnico Vicente Del Bosque colocou Koke no lugar de Xabi Alonso. A alteração pouco efeito fez. O time controlava a posse, mas com pouca criatividade. Era incrível como Diego Costa se sentia perdido em campo. O Chile foi no mesmo ritmo. Jogando nos contra ataques e sabendo dar o bote na hora certa. A principal chance da Fúria foi com Busquets, após um cruzamento de bicicleta, o volante completou para fora. No final do jogo, deu tempo de Valdivia entrar e ajudar ainda mais segurar o jogo. Outro destaque é Vidal, que estava machucado, era duvida, e jogou muito bem e só saiu no finalzinho do jogo.

Com esse resultado a Espanha assisti a fase final da Copa em casa. A próxima rodada irá definir o líder do grupo. Holanda e Chile se enfrentam na Arena Corinthians. Foi a primeira vez que o Chile vence a seleção espanhola em copas do mundo.


0 Responses to “Chile atropela a Espanha e atuais campeões são eliminados”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Categorias

Gabriel Mecca

Mecca Esportes
Para ficar por dentro do que acontece nos esportes no Brasil e no Mundo.

Número de Visitas

  • 161,764 hits

Me segue no twitter

RSS Ocasional

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Ocioso


%d blogueiros gostam disto: